Cantareira segue com queda de nível

Apesar das chuvas dos primeiros dias de outubro, reservatório teve queda 0,6% desde setembro

Nesta sexta-feira (06), o Sistema Cantareira opera com 51% de sua capacidade, segundo dados da SABESP (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo).

Chuvas se regularizam no meio de outubro na região / Fonte: Banco de Imagens da Somar Meteorologia

Chuvas se regularizam no meio de outubro na região / Fonte: Banco de Imagens da Somar Meteorologia

O reservatório terminou setembro com o índice de 51,6%, após acumular 16,2mm de chuva dos 87,1mm esperados. O volume foi devido ao retorno das chuvas no interior do Sudeste na última semana do mês, mas antes disso o manancial contava apenas com 0,2mm, menos de 1% da média climatológica.

Nos primeiros dias de outubro, o sistema acumula 27,2mm de chuva e a média é de 129,4mm. Segundo a Somar Meteorologia, a precipitação ainda atinge de maneira fraca o oeste paulista e o sul mineiro nos próximos dias, mas fica regularizada a partir da segunda quinzena do mês.

De acordo com o meteorologista Celso Oliveira, a queda do nível do Cantareira ainda pode continuar. “Boa parte de outubro ainda terá tempo firme no Sudeste e Centro-Oeste”, comenta.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.

Chuva favorece plantio da soja no Paraná

Incidência de raios é maior durante a primavera