Como fica o tempo na volta do feriado de Carnaval?

Expectativa é de que milhões de pessoas peguem as estradas do Sudeste até a Quarta-feira de Cinzas (1º)

O principal feriado do Brasil começa neste fim de semana prolongado e milhões de pessoas devem pegar as estradas antes de cair na folia, mas todo cuidado é pouco, já que há previsão de chuva na ida e volta no Sudeste do país.

Foto: Banco de Imagem Somar Meteorologia

Foto: Banco de Imagem Somar Meteorologia

De acordo com a Somar Meteorologia, a previsão é de pancadas na saída para o feriado a partir da tarde desta sexta-feira (24) em São Paulo, com chuva generalizada até sábado (25) principalmente no litoral. Além disso, a volta também será chuvosa na tarde da terça-feira de Carnaval (28), mas quem preferir retornar à capital na manhã de Quarta-Feira de Cinzas (1º) vai encontrar o tempo mais firme.

Para quem for curtir os bloquinhos e desfiles das escolas de samba no Rio de Janeiro, a expectativa é de chuva isolada e intercalada com períodos de melhoria.

Já o principal alerta meteorológico vai para quem estiver entre os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo, por conta das instabilidades que ganham força entre os dois Estados e Goiás no final do feriado prolongado. “A chance é de chuva forte sobre estas áreas no retorno pra casa devido a uma frente fria afastada no oceano que ajuda a organizar a umidade da Amazônia. Assim, a atenção terá que ser redobrada, ainda mais por causa das estradas sinuosas em Minas Gerais”, comenta o meteorologista Celso Oliveira.

Confira os horários de pico nas principais rodovias do Sudeste:

 

SÃO PAULO

A estimativa da CET (Companhia de Engenharia e Tráfego) é de que 2 milhões de veículos saiam da capital paulista, com fluxo intenso nas principais vias na sexta-feira à tarde, sábado de manhã e à tarde e na quarta-feira entre manhã e a tarde.

Anchieta-Imigrantes: Cerca de 500 mil carros devem descer e subir a serra durante o feriado e a expectativa é de um maior volume de veículos na sexta-feira das 10h às 23h59, sábado das 0h às 21h59 e domingo, das 08h às 12h59.

Ayrton Senna: Com 1,3 milhão de veículos, os horários de pico serão na sexta-feira, das 13h às 18h, sábado das 5h às 10h, terça-feira das 14h às 19h e na quarta-feira das 16h às 20h.

Régis Bittencourt: Mais de 850 mil carros passarão pelas vias, com maior movimento previsto na sexta-feira das 16h às 0h, sábado das 5h às 14h, terça-feira das 15h às 0h e quarta-feira das 5h às 14h.

Fernão Dias: A rodovia vai contar com a passagem de 1,4 milhão de veículos com maior pico na sexta-feira, das 18h às 0h, sábado das 06h às 23h e terça-feira das 06h às 0h.

Castello Branco e Raposo Tavares: A previsão é de movimentação intensa na sexta-feira das 15h às 20h e na terça-feira a partir das 10h.

Dutra: Operação especial a partir de sexta-feira, com picos das 16h às 20h, sábado das 07 às 13h, terça-feira das 16h às 20h e na quarta-feira das 07 às 13h.

Anhanguera e Bandeirantes: Com 950 mil veículos, os trechos terão maior movimento na sexta-feira das 15h às 19h, sábado das 10h às 13h, terça-feira das 12h às 21h e na quarta-feira das 10h às 19h.

 

RIO DE JANEIRO

Um dos destinos mais procurados para passar o Carnaval, o Rio de Janeiro terá grande movimentação e cerca de 1,8 milhão de veículos devem passar na Ponte Rio-Niterói.

Via Lagos: O aumento no fluxo de carros em direção a Região dos Lagos já começou na quinta-feira (23) com estimativa de 503 mil até o dia 06 de março, sendo que no sábado, espera-se a passagem de 57 mil veículos no trecho.

Niterói-Manilha: O trecho da BR-101 RJ/Norte entre Niterói e a divisa com o Espírito Santo prevê a passagem de 1,2 milhão de veículos até o dia 05 de março, mas entre sexta-feira e sábado os motoristas contarão com faixa reversível na pista sentido o Estado capixaba a partir da praça do pedágio até o início do Contorno de Itaboraí.

Dutra: O trecho no Rio de Janeiro terá tráfego intenso entre 14h e 20h de sexta-feira e 7h e 13h de sábado. Na volta, a maior movimentação na terça-feira das 16h às 20h e na quarta-feira, das 07h às 13h.

 

MINAS GERAIS

BR-040: O trecho entre Juiz de Fora e Rio de Janeiro terá maior pico na sexta-feira, entre 10h e 12h e de 16h às 19h, e na quarta-feira, a partir das 14h.

MG-050/BR-265/BR-49: Mais de 243 mil veículos devem ter maior fluxo na sexta-feira entre as cidades Juatuba e São Sebastião do Paraíso.

Via 040: A rodovia estima a atenção deve ser redobrada na sexta-feira das 16h às 21h, sábado das 07h às 14h, terça-feira das 16h às 21h e quarta-feira das 07h às 14h, entre Goiás e o extremo leste mineiro.

BR-60/BR-153 e BR-262: Para quem deseja fugir do fluxo intenso, é recomendável pegar as estradas na sexta-feira até 14h, sábado após 12h e na volta, na terça-feira até 14h e na quarta-feira após às 12h.

 

ESPÍRITO SANTO

BR-101: O trecho que liga Mucuri, na Bahia, à Mimoso do Sul, na divisa com o Rio de Janeiro contará com uma operação especial durante o Carnaval e a orientação é trafegar em horários alternativos para evitar congestionamentos.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.

 

 

Somar Meteorologia comemora 22º aniversário

Como vai ficar o tempo durante o Carnaval?