Safra de verão 2017/18 deve ter atraso na instalação comparado ao ano anterior

Chuvas voltam a se regularizar em meados de outubro no Centro-Oeste

O vazio sanitário termina em 15 de setembro no Centro-Oeste, e os produtores se preparam para o plantio da safra de verão. De acordo com a Somar Meteorologia, setembro já deve começar com cenário favorável na região Sul, enquanto no Centro-Oeste a situação é de cautela.

shutterstock_178400099

Chuvas irregulares podem atrasar safra de verão no Centro-Oeste/ Fonte: Banco de imagens da Somar Meteorologia

Segundo o agrometeorologista da Somar, Leandro Calve, as chuvas que atingiram o Paraná na segunda quinzena de agosto elevaram a umidade do solo para mais de 90%. “Com essas condições favoráveis, os produtores paranaenses já começaram a preparar o solo para o plantio da safra de verão e a expectativa dos agricultores é de produtividades médias em torno dos sete mil quilos por hectare”.

Já no Centro-Oeste, a maior parte da região passa por estiagem agrícola, com áreas produtoras que estão há mais de 150 dias sem registro de chuvas significativas em Goiás e Mato Grosso. “A chuva deve começar a atingir os dois Estados após o início da primavera, em 22 de setembro, mas ainda de forma irregular”, afirma o meteorologista da Somar, Celso Oliveira.

De acordo com Oliveira, as precipitações só devem se regularizar a partir da segunda quinzena de outubro. “Mas essa situação não chega a afetar o desenvolvimento da safra, porém o plantio e consequentemente a colheita, devem acontecer mais tarde em comparação a última safra de verão, que foi recorde na região.”, complementa Calve.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.

Oceano Pacífico continua em neutralidade climática até 2018