Chuva no litoral pode afetar exportação de produtos agrícolas

Enquanto o tempo seco favorece as atividades de campo no interior do país, a chuva no litoral pode afetar o transporte durante o fim de semana

Um bloqueio atmosférico mantém o tempo firme no interior do país e favorece a agricultura no Centro-Sul, mas o avanço de uma frente fria pela costa pode afetar o transporte dos produtos agrícolas para o exterior.

Visual hunt

Chuva no litoral afeta atividades portuárias/ Fonte: Banco de imagens da Somar Meteorologia

De acordo com a Somar Meteorologia, o sistema que se formou nesta quarta-feira (28) entre Uruguai e Rio Grande do Sul, deve avançar pelo litoral rumo ao Sudeste e provocar pancadas de chuva na região do porto de Santos, em São Paulo, entre a sexta e o domingo (02). “A chuva ocorre com intensidade entre moderada e fraca e não deve trazer grandes transtornos, mas o produtor deve se programar”, recomenda o meteorologista da Somar, Celso Oliveira.

O mesmo vale para as atividades portuárias no Norte, e Nordeste, onde instabilidades tropicais somadas às ondas de Leste provocam precipitações volumosas em toda a faixa litorânea até o início da próxima semana.

Além da chuva, o profissional chama atenção para as plantações de algodão no Nordeste, uma vez que o excesso de nebulosidade promete deixar as temperaturas mais amenas principalmente no Estado da Bahia, o que pode afetar temporariamente a maturação do algodão.

“Apesar disso, a chuva volumosa que é esperada em todo o litoral do Nordeste nos próximos dias, inclusive com previsão de pancadas no interior da região deve beneficiar as plantações de cana”, afirma o meteorologista.

O friozinho previsto para o fim de semana também deve atingir as produções de algodão no Centro-Sul, mas em contra partida, o tempo firme e seco que prevalece em todo o interior do país favorece a colheita do milho e do café.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.

 

Chuva forte pode causar transtornos em Natal e João Pessoa

Índice de queimadas cresce em junho