Tocantins registra o segundo maior número de queimadas desde 1998

No Brasil, os focos de queimadas subiram, até agora, 47% em relação a 2016

Segundo dados do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), o Brasil registrou no mês de dezembro, até agora, 7.750 focos de queimadas, totalizando 271.877 em 2017.

O recorde de queimadas no Estado aconteceu em 2010, com mais de 25 mil focos / Foto: Photo Pin

O recorde de queimadas no Estado aconteceu em 2010, com mais de 25 mil focos / Foto: Photo Pin

Ainda conforme as informações do Instituto, o Estado do Pará é o que mais teve focos acumulados neste ano, com 64.536 registrados. É seguido por Mato Grosso e Maranhão que tiveram, respectivamente, 43.966 e 33.367 queimadas ao longo de 2017.

O Tocantins aparece em quarto na lista, contando 22.526 focos. Trata-se do segundo maior número da história do Estado desde 1998, quando iniciaram as medições. Em relação aos 14.782 focos de 2016, o aumento é de 52%. O primeiro maior número de focos de queimada em Tocantins ocorreu em 2010, quando foram contabilizados mais de 25 mil.

Segundo a Somar Meteorologia, os incêndios no Estado diminuem neste mês por conta das chuvas. Nos primeiros doze dias de dezembro, foram registrados 66 focos, enquanto novembro teve 510. Em setembro, o número atingiu 10.737 queimadas.

O país também teve acréscimo de focos em comparação com 2016. Até o momento, a diferença é de 47% acima dos 185.043 registrados no ano passado.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.

Temporais podem voltar a causar transtornos em Salvador