Use protetor solar: Radiação solar está elevada em grande parte do Brasil mesmo no inverno

O uso do protetor é imprescindível até mesmo no inverno, quando as temperaturas ficam mais baixas. Fica o alerta para a saúde já que os raios ultravioleta estão altos (de 6 a 7) desde o norte do Paraná, toda a região Sudeste e Centro-Oeste do país. O índice fica muito alto (de 8 a 10) entre o norte de Minas Gerais, e sobre as regiões Norte e Nordeste do Brasil.

 

Cuidado com a saúde: O assunto é de extrema importância e que a população muitas vezes não sabe. É sobre a radiação ultravioleta, que mesmo no inverno está alta em boa parte do país e pode prejudicar a sua pele.

A Somar Meteorologia alerta para índice alto (de 6 a 7) desde o norte do Paraná, toda a região Sudeste e Centro-Oeste do país. O índice fica muito alto (de 8 a 10) entre o norte de Minas Gerais, e sobre as regiões Norte e Nordeste do Brasil. Vale salientar que a escala vai de 1 até 11, passando por baixo, moderado, alto, muito alto e extremo.

 

imagem: Somar Meteorologia

Atenção com os cuidados com a pele para quem está entre o Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e nas cidades que ficam no norte do Paraná  /  imagem: Somar Meteorologia

 “No inverno, apesar de diminuir a incidência dos raios UVB ( principais causadores dos canceres de pele), os raios UVA continuam apresentando um poder de penetração regular na pele, podendo causar o envelhecimento precoce, além de manchas ou pintas que podem virar um câncer”, comenta o médico Marcelo Sales.
O cuidado com a pele mesmo no frio não pode ser esquecida, nesta estação também é muito importante o uso de filtro solar, beber bastante água e passar hidratantes no corpo.

Para entender melhor: O índice ultravioleta (IUV) é a medida da intensidade da radiação UV. O IUV representa o valor máximo diário da radiação ultravioleta, exatamente ao meio-dia solar, horário de máxima intensidade de radiação solar na terra.

Os valores IUV são agrupados em categorias de intensidades, segundo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

imagem: Somar Meteorologia

imagem: Somar Meteorologia

Os raios ultravioleta A (UVA) tem a penetração regular durante o ano todo e penetra profundamente na pele, por isso não devemos deixar de passar o filtro solar em nenhuma estação. O ideal é passar o protetor com fator de proteção solar (FPS) no mínimo,15. Os raios UVA são de médio grau de intensidade, não é bloqueado totalmente com protetor solar e é o responsável por manchas e rugas (e não diminuem com o inverno, estes raios têm sua penetração regular durante o ano todo).

Os raios ultravioleta B (UVB) alternam sua intensidade em alguns períodos do ano, e aumenta muito no verão, principalmente nas horas mais quentes do dia (das 10h às 16h), causa o risco de câncer e tem alto grau de intensidade.

 

Os raios solares em contato com a pele / imagem: mncfisioterapia

Os raios solares em contato com a pele / imagem: mncfisioterapia

 

Confira como fica o tempo em sua cidade, clique aqui

VEJA MAIS

Por que o sono aumenta no inverno?

Umidade relativa diminui e prejudica a saúde humana

Tempo seco aumenta os casos de gripes e resfriados

Doenças cardíacas podem aumentar no inverno. Saiba como evitar

Por que engordamos mais no frio?

Baixas temperaturas e alto gasto calórico: tempo frio ajuda a emagrecer