O que esperar de outubro?

Com enfraquecimento do bloqueio atmosférico, chuva deve voltar a se regularizar em parte do país ao longo do mês

O início da primavera que começou em 22 de setembro foi marcado pelo retorno das chuvas para algumas áreas que passaram por um longo período de estiagem durante o outono e inverno, mas as precipitações que chegaram de forma fraca e com pouco volume, devem se regularizar aos poucos ao longo de outubro.

chuva (17)

Chuva deve se regularizar aos poucos ao longo de outubro em parte do país/ Fonte: Banco de imagens da Somar Meteorologia

Segundo o meteorologista Celso Oliveira, da Somar Meteorologia, o bloqueio atmosférico que impedia o avanço das chuvas sobre o interior do país, perde força já na virada do mês, e outubro começa com precipitações significativas no Estado do Paraná, além de grande parte do Sudeste e Centro-Oeste.

De acordo com o profissional, a chuva deve ficar acima da média durante o mês de outubro em toda a região Sul, e nas áreas do Mato Grosso do Sul e do Estado de São Paulo que ficam mais próximas ao Paraná.

“No restante do Centro-Oeste e Sudeste, os maiores volumes devem ser registrados no início e no final do mês, com um intervalo marcado pela alternância de chuvas fracas e períodos de tempo firme. Ainda assim, a chuva deve ficar dentro ou pouco abaixo da média no interior do país”, explica Oliveira.

Na região Norte, os maiores acumulados serão percebidos nos Estados de Rondônia, Acre e Amazonas, enquanto o tempo firme ainda predomina em grande parte do Pará, Amapá, Tocantins e Roraima.

Já no Nordeste, a chuva que foi abundante no litoral ao longo do inverno, se torna cada vez mais escassa ao passo que as temperaturas ficam mais elevadas em comparação a setembro.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.

NOAA aponta 60% de chance de La Niña até o fim do ano

Como será a primavera?