Inverno termina com tempo seco no interior do Nordeste

Cidades do interior do Nordeste estão há mais de 100 dias sem chuva significativa. Veja como será a estação da primavera nesta região.

O inverno termina no próximo dia 22 de setembro com tempo seco no interior do Nordeste. O longo período de estiagem na região não dá trégua, são mais de 130 dias sem nenhuma gota de chuva nos arredores dos municípios de Barra e Bom Jesus da Lapa, no oeste baiano.

Uma massa de ar mais seco é a responsável por inibir a formação de nuvens carregadas e é importante lembrar que durante essa época do ano, é comum a falta de chuva no interior nordestino.

Em algumas áreas do interior nordestino a chuva até ocorreu ao longo da estação de inverno, mas vale ressaltar que foram pancadas de chuva irregulares, isoladas e sem grandes acumulados (volumes abaixo de 10mm – chuva não significativa).

Na Bahia, não chove de forma significativa há pelo menos 150 dias nos municípios de Bom Jesus da Lapa, Barra, Correntina, Luís Eduardo Magalhães e Paulo Afonso. Em Guanambi, a situação é ainda mais crítica, já são mais de 180 dias.

No Piauí também há municípios sem chuva há mais de 150 dias, como é o caso de Bom Jesus e São João do Piauí. Seca prolongada também em áreas do Maranhão como Balsas e Alto Parnaíba. Em Pernambuco, foram os municípios de Petrolina e Serra Talhada que foram castigados pela falta de chuva durante esse longo período.

E como será a primavera?

O início da primavera será marcado também pelo tempo seco, o que não foge do cenário climatológico para a região. No entanto, é importante destacar que as simulações mais recentes dos modelos meteorológicos apostam em um cenário com chuva abaixo da climatologia durante toda a estação.

 

 

Não significa nada de chuva durante a primavera, porém os episódios ainda ocorrerão de forma irregular.

 

Veja agora a previsão do tempo na sua cidade.