Proteção: Crianças a partir de seis meses já precisam usar filtro solar

Sabia quais são os principais cuidados que os pais devem ter com a pele dos filhos

O cuidado com a pele deve começar desde cedo e agora no verão, os pais devem ficar ainda mais atentos com as crianças. Segundo os dermatologistas, não é recomendado usar filtro solar em bebês com menos de seis meses, nesse caso a proteção deve ser feita com roupas de algodão, chapéus e a exposição ao sol deve ser rápida e fora dos horários de pico (entre 10h e 16h).

 

A partir dos seis meses é fundamental usar o filtro solar para proteger a pele das crianças. “Mas tem que usar o protetor correto. Dos seis meses aos 12 anos o recomendado é o filtro solar físico, que forma uma barreira mecânica mesmo contra os raios do sol, ele é um pouco mais oleoso, mas protege”, afirma a dermatologista Lívia de Andrade Bessa.

 

De acordo com a especialista, as crianças são mais suscetíveis às alergias, que por sua vez aparecem mais durante o verão, por causa do calor e do suor. Esse é mais um motivo para os pais se preocuparem com a proteção dos filhos. Roupas de algodão e lugares arejados são ideias para evitar alergias e brotoejas, que podem aparecer na pele nessa época do ano.

 

Esse cuidado com a pele desde bebê é essencial para a prevenção de câncer, como explica a dermatologista Lívia: “65% da radiação solar que nós recebemos ao longo da nossa vida acontece até os 20 anos de idade e o câncer de pele que aparece entre os 40/50 anos é resultado da falta de proteção nas duas primeiras décadas de vida”.

 

A Somar Meteorologia alerta para um cuidado ainda mais nos próximos dias, porque o forte calor ainda predomina em todo o Brasil e o índice ultra violeta segue elevado. O IUV é classificado como baixo, moderado, alto, muito alto e extremo e no país o índice ficará alto na região Sul, muito alto no Sudeste e Nordeste e pode chegar ao extremo no Centro-Oeste durante o fim de semana.