Ar condicionado pode ser prejudicial para a saúde humana

No frio ou no calor, uso do equipamento pode prejudicar a saúde

Como forma de escapar do calor, muita gente apela para o ar condicionado. Mas o que pode parecer estar salvando os dias de temperaturas altas, na verdade, pode se tornar um vilão.

Ar condicionado pode se tornar um vilão para a saúde humana/ Flickr – Max Francioli dos Santos

O Dr. Humberto Bogossian, pneumologista do hospital Albert Einstein, alerta para o uso do ar condicionado por muito tempo em lugares fechados. “O aparelho tira a umidade do ar, e com isso, as partes do nosso corpo que funcionam como barreiras contra bactérias, como os cílios e as mucosas, perdem um pouco da sensibilidade, nossa imunidade baixa, e ficamos suscetíveis a doenças respiratórias e também a outros tipos de vírus”, explica.

De acordo com o pneumologista, para quem já tem doenças respiratórias como bronquite, asma ou sinusite, o ar seco pode ser ainda pior, pois agrava os sintomas.

O ar condicionado pode trazer ainda outro problema, além de “sugar” a umidade, ele a retém. “Vírus e bactérias se desenvolvem nessa umidade e quando o aparelho é ligado, ele joga todos esses ‘bichinhos’ de volta no ar”, complementa Bogossian. Então além de deixar a pessoa mais vulnerável ao retirar a umidade do ar, o aparelho também pode auxiliar na propagação de doenças.

Não é só no calor

Os dias frios também podem ser perigosos. Além do ar condicionado, climatizadores e aquecedores atuam da mesma forma (menos umidade e risco de bactérias). Além disso, quem não gosta de lugares fechados e quentinhos no frio não é mesmo? Vírus também adoram locais fechados. E quanto mais gente melhor, “a proximidade em ambientes sem janelas e portas abertas ajuda no contato com agentes que causam todo tipo de doença” alerta o médico.

Aparelhos do bem

Hoje em dia, é possível encontrar aparelhos no mercado que reduzem os riscos. Alguns deles possuem filtros que eliminam grande parte das bactérias presentes no ambiente, umidificam o ar e ainda fazem um tipo de auto limpeza que reduz o acúmulo de umidade dentro do ar condicionado, o que faz com que a produção e a proliferação de vírus seja quase zero.

Cuide-se

Ainda assim, alguns cuidados simples podem ser tomados para tornar o ambiente mais saudável, como manter os locais limpos e arejados. Em lugares onde não se tem o controle desses cuidados, manter a umidade relativa do ar equilibrada com um umidificador ou até mesmo uma toalha úmida já ajuda bastante. E claro, manter-se hidratado tanto no frio quanto no calor para que as células do corpo funcionem corretamente.

 

Clique aqui e confira a previsão do tempo na sua cidade.

Zika vírus pode aumentar no verão. Saiba como evitar

Brasil: Bloqueio atmosférico deixará tempo mais seco no país